primark haul!

 

Quem me conhece sabe que eu sou um pouco shopaholic, principalmente em época de saldos! E, se já me acompanham há algum tempo também sabem que os saldos de inverno são, sem sombra de dúvida, os meus favoritos! Primeiro porque, por algum motivo, é quando encontro os preços mais baixos, e segundo porque é quando consigo renovar o meu armário de verão, literalmente ao preço da chuva!

Por norma sou do tipo de pessoa que aposta no preço como sinónimo de qualidade, mas porque ultimamente tenho tido algumas surpresas confesso que ligo cada vez menos a isso – a não ser que estejamos a falar sobre calçado e aí o assunto muda de figura! Então o que acontece é que tenho comprado muita roupa na Primark, aliás, muita é talvez um eufemismo, mas, por algum motivo, fico-me só pelas partes de cima, ou seja, aquelas coisas que rompo, descarto e substituo com mais facilidade. E porquê? porque as partes de baixo, calças, saias, por aí, que uso são por norma simples, de uma cor plana e, muito raramente, com um ou outro padrão muito simples à base de riscas e bolinhas. As cores são por norma neutras, sem grandes exageros, tudo à volta do preto, bordeaux e verde, então, gosto de arriscar mais nas partes de cima e apostar em coisas mais brilhantes, com mais pormenores, rendas…

E porque este ano não podia ser exceção, acho que perdi um pouco a cabeça nos saldos da Primark, digamos que a relação qualidade/preço não podia ser melhor por isso porque não aproveitar para renovar o armário? Fiquem então com algumas das coisas que trouxe no meu saco!

from the gym to the streets!

Digamos que estamos na era de quebrar barreiras, de erradicar estereótipos, de ignorar normas impostas na sociedade, e, a par de toda esta revolta e revolução, estamos na era da preocupação, e a principal preocupação hoje em dia é a saúde, infelizmente ainda muito ligada simplesmente ao aspeto físico, meramente superficial, mas ainda assim, as pessoas estão a precaver-se, os ginásios estão inundados de inscrições, e as cidades inundadas de ginásios (a sério, é um em cada esquina). E como tudo na vida há para todos os gostos, para aqueles que não gostam de correr parados, existem cada vez mais alternativas, cada vez mais parques e espaços verdes são criados nas cidades, o bichinho do exercício está em todo o lado, e não é de novidade, principalmente não de agora, que a moda acompanha tudo isso. Mas a questão é, que existem marcas desportivas e roupas específicas para tudo já toda a gente sabe, o que provavelmente não se esperava é que a moda do ginásio saísse à rua e criasse a sua própria corrente – Sporty Chic – foi assim apelidado o estilo de vestir mais desportivo, inicialmente conseguido através da roupa mais confortável, ideal para uma corrida ou um jogging matinal. Mas não é sobre essa roupa que vos venho aqui falar hoje, é sobre uma moda mais recente que surgiu ligada ao desporto há cerca de dois anos atrás e que hoje sai à rua cada vez com mais ímpeto e mais destaque – As Sapatilhas de Malha.

my first creation!

Já toda a gente sabe quem eu sou e o que faço desta vida, mas se acabaram de chegar aqui ao espaço e ainda não tiveram oportunidade de descobri, eu sou uma miúda viciada em roupa, cores, combinações, em suma, viciada em moda! E por isso mesmo decidi que esse seria o meu sonho, tentar uma carreira no mundo daquilo que mais gosto, uma carreira no mundo daquilo que mais aprecio, no mundo daquilo, que segundo terceiros, me dou e sou melhor! Já tenho esse sonho deste pequena e o sonho virou objetivo quando tive de escolher o que estudar, primeiro as artes, e quando chegou a altura da universidade não podia haver melhor escolha Design e Marketing de Moda! Estou agora no último ano e o sentimento é amargamente doce, se por um lado estou feliz por terminar esta etapa, por outro sinto que ainda há muito mais para dar e aprender! Mas não vim aqui para falar-vos do curso propriamente dito, vim falar-vos de uma cadeira específica que estou a ter este ano e que está a demonstrar-me uma nova paixão, se até agora só pensava em desenhar e projetar roupa, este ano abri horizontes para um novo ramo – os acessórios – mais concretamente as carteiras, bolsas ou malas, como preferirem chamar-lhes! Hoje não vos maço com muito texto, vim simplesmente mostrar-vos uma das minhas primeiras criações, uma mala 100% pele natural, projetada e produzida por mim, espero que gostem! 

christmas gifts and a happy new year!

Espero que todos tenham tido um ótimo natal! Cheio de doces, prendas, e mais importante de tudo, rodeados daqueles que vos querem melhor! Eu posso dizer que o meu, em todas essas categorias, foi um grande sucesso! Mas antes de vos contar como foi o meu Natal, e claro, mostrar-vos as minhas prendas prediletas, quero pedir desculpa, este post devia ter saída esta quarta, no entanto, fui apanhada por aquele virusinho chato que por aí anda no ar, chamam-lhe gripe, e dizem que este ano entrou a matar, infelizmente estou a sofrer na pele a matança, estou de cama há dois dias, e entre febres altas, dores musculares, muita tosse, falta de ar e uma cabeça à roda, foi-me totalmente impossível pegar no computador para editar fotografias! Finalmente fiquei um pouquinho melhor e já pude voltar ao trabalho, e apesar de estar super atrasada nas coisas da faculdade não podia deixar de tirar um tempinho para vos desejar Boas Festas!

november fav’s

Favs

Antes de mais, Desculpem, Mil e Uma Desculpas na verdade não chegam, e não é só a vocês que me seguem e acompanham que peço desculpa, é de certa forma também a mim própria que o faço, por me ter obrigado a afastar um pouco destas andanças, não o fiz de todo intencionalmente, mas sim um pouco que forçadamente… Enfim, espero em breve trazer-vos um textinho onde vos explico o que foi e o que é desta amálgama de horas pelas quais tenho corrido quando não voado, a verdade é que já perdi a conta aos dias, mal sei a quantas ando, não fosse a pílula e sabe Deus nem o dia da semana sabia! Ahh, e mais um pedido de desculpa pelo atraso neste post, e nos outros todos que imaginei ver sair este mês e não vi, espero, sinceramente, conseguir mudar isto e voltar à rotina dos dois, três posts por semana, enquanto isso, deixo-vos com um post fora de horas de uma categoria fora da data! Apesar de já estarmos a meio de dezembro, quase à porta do natal, achei por bem deixar-vos na mesma com aquela listinha maravilhosa do que fez mais parte de mim o mês passado, por isso fiquem com o top 5 de novembro!